Thursday, December 14, 2017

Piadina

English version

Piadina

Não tenho cozinhado muito ultimamente, mas ainda gusto de fazer coisinhas gostosas nos finais de semana e testar receitas novas. E apesar de meu marido e eu não sermos grandes fãs de sanduíche há sábados em que faço piadina para o almoço: a massa fica pronta rapidinho e como leva fermento em pó em vez de fermento biológico não precisa de muitas horas para crescer – ela só precisa descansar por meia horinha, enquanto você resolve outras coisas na cozinha.

A piadina também é ótima por ser super democrática: dá para rechear com o que quiser ou o que houver na geladeira.

Piadina
receita minha

- xícara medidora de 240ml

Massa:
3 xícaras (420g) de farinha de trigo
1 colher (chá) de sal
1 ½ colheres (chá) de fermento em pó
3 colheres (sopa) de azeite de oliva extra virgem
2/3 xícara (160ml) de leite integral, temperatura ambiente
½ xícara (120ml) de água, temperatura ambiente

Para rechear:
queijo, embutidos, folhas, o que você preferir

Em uma tigela grande, misture a farinha, o sal e o fermento em pó com um batedor de arame – é importante distribuir bem o sal e o fermento na farinha. Junte o azeite, o leite e a água e vá misturando com uma colher de pau até que uma massa comece a se formar. Comece a sovar – pode ser na mão ou na batedeira planetária com o batedor de gancho – até obter uma massa homogênea e elástica, cerca de 8 minutos na batedeira ou 12 sovando na mão. Forme uma bola com a massa, transfira para uma tigela média pincelada com azeite e cubra com filme plástico. Deixe descansar por 30 minutos em temperatura ambiente.

Divida a massa em 6 partes iguais – cada uma terá aproximadamente 120g. Forme uma bola com cada uma delas. Aqueça uma frigideira antiaderente grande em fogo alto.

Trabalhando em uma superfície levemente enfarinhada, abra cada bolinha de massa com um rolo até obter um círculo de aproximadamente 22cm – enquanto abre uma das bolinhas, deixe as outras cobertas para que não ressequem. Transfira o círculo de massa para frigideira e doure por 2-3 minutos de cada lado – transfira para um prato e cubra com um pano de prato limpo e seco. Continue grelhando o restante de massa.

Para servir, recheie a piadina com o que mais gostar e dobre-a ao meio – quando recheio com queijo, volto a piadina para a frigideira em fogo médio, espalho o queijo e deixo derreter.

Sirva imediatamente.

Rend.: 6 porções

Wednesday, December 06, 2017

Merengue de cereja

English version

Cherry Eton Mess / Merengue de cereja

O merengue tradicional, feito com morangos, é a sobremesa preferida do meu marido (eu também adoro, hoho). :). Aproveitei as cerejas maravilhosas que aparecem no final do ano para dar uma cara nova à sobremesa.

A receita é fácil – especialmente porque uso suspiro pronto, ligar o forno em dezembro e janeiro é uma missão quase impossível; difícil mesmo é não acabar com as cerejas antes mesmo de separar os outros ingredientes e coloca-los na bancada. :D

Merengue de cereja
receita minha

Compota de cerejas:
¾ xícara (150g) de açúcar cristal
1 anis-estrelado
3 colheres (sopa) de água
500g de cerejas, cortadas ao meio e sem os caroços - meça, depois retire os caroços

Para a montagem:
1 xícara (240ml) de creme de leite fresco
½ colher (sopa) de açúcar de confeiteiro
2 ½ xícaras de mini suspiros – se forem grandes, quebre-os em pedaços
100g de cerejas, cortadas ao meio e sem os caroços - - meça, depois retire os caroços

Compota: leve o açúcar, a água e o anis-estrelado ao fogo médio-alto em uma panela grande de fundo grosso. Cozinhe até caramelizar, sem mexer, apenas girando a panela de vez em quando. Adicione as cerejas, misture e cozinhe por 5 minutos. Retire do fogo, transfira para um refratário e descarte o anis-estrelado. Deixe esfriar completamente.

Montagem: bata o creme de leite e o açúcar até obter chantilly. Em quatro copos ou taças grandes (os da foto comportam 400ml cada), intercale camadas de suspiros, compota e chantilly, colocando algumas cerejas frescas entre as camadas. Sirva gelado.

Rend.: 4 porções

Monday, December 04, 2017

Bolo invertido de maçã e coco

English version

Upside down coconut and apple cake / Bolo invertido de maçã e coco

Bolo de maçã é um dos meus favoritos (há várias receitas aqui no blog, incluindo uma versão com azeite de oliva que vou repetir no próximo final de semana) e invertido o danado fica ainda mais lindo. As fatias de maçã formam uma camada saborosa e o coco dá um toque especial à massa – é um bolo bem macio e realmente delicioso.

É uma receita simples de fazer – apesar do visual – e acho terapêutico arrumar as fatias de maçã no fundo da forma. Apenas tomem cuidado para não usar forma de fundo nem aro removíveis, pois o açúcar da cobertura derrete no forno e pode vazar.

Upside down coconut and apple cake / Bolo invertido de maçã e coco

Bolo invertido de maçã e coco
receita minha

- xícara medidora de 240ml

Camada de maçãs:
1/3 xícara (65g) de açúcar cristal
¼ colher (chá) de canela em pó
2 maçãs Granny Smith pequenas, sem os miolos, cortadas em fatias finas

Bolo:
1 ½ xícaras (210g) de farinha de trigo
1/3 xícara (35g) de coco ralado sem adição de açúcar
1 colher (chá) de fermento em pó
¼ colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 pitada de sal
¾ xícara (150g) de açúcar cristal
½ xícara (113g) de manteiga sem sal, amolecida
2 ovos
1/3 xícara (80ml) de buttermilk*
1/3 xícara (80ml) de leite de coco
1 colher (chá) de extrato de baunilha

Preaqueça o forno a 180°C. Unte com manteiga uma forma redonda de 20x7cm (não use forma desmontável e/ou de fundo removível, pois o açúcar, ao derreter no forno, pode vazar), forre o fundo com um círculo de papel manteiga e unte o papel também. Em uma tigelinha, misture o açúcar e a canela e salpique sobre o papel manteiga. Sobre a mistura, arrume as fatias de maçã, colocando umas ao lado das outras. Reserve.

Bolo: em uma tigela média, misture com um batedor de arame a farinha, o coco ralado, o fermento, o bicarbonato e o sal. Reserve. Em uma tigela grande, usando a batedeira, bata a manteiga e o açúcar até obter um creme claro e fofo, raspando as laterais da tigela ocasionalmente. Acrescente os ovos, um a um, batendo bem a cada adição. Junte a baunilha. Acrescente a farinha de trigo, o fermento, o bicarbonato, o sal, o coco ralado, o buttermilk e o leite de coco e bata em velocidade baixa somente até incorporar.
Espalhe a massa sobre as maçãs e asse por cerca de 50 minutos ou até o bolo crescer e dourar (faça o teste do palito). Deixe esfriar na forma, sobre uma gradinha, por cerca de 2 horas ou até que esteja morno. Com jeitinho, desenforme o bolo sobre um prato de servir, remova a forma e então o papel. Sirva sozinho ou com creme de leite batido.

* para fazer 1 xícara de buttermilk: coloque 1 colher (sopa) de suco de limão em uma xícara medidora de 240ml, complete com leite integral em temperatura ambiente e aguarde 10-15 minutos para sorar; use todo o conteúdo da xícara em usa receita

Rend.: 8-10 porções

Thursday, November 30, 2017

Granola de gingerbread

English version

Gingerbread granola / Granola de gingerbread

Minha época favorita do ano chegou e minha árvore de Natal já está montada: ando pensando no menu da ceia e planejando as comidas e as bebidas. Entretanto, diferentemente de anos passados, não sei se conseguirei fazer a minha tão amada série de Natal aqui no blog: excesso de trabalho, outras prioridades no momento.

De qualquer forma, senti que tinha que lhes trazer ao menos uma receita com um toque natalino e aqui está a minha granola de gingerbread: cheia de especiarias, ela fará sua casa ficar com cheiro de Natal em qualquer época do ano.

Mesmo que eu não consiga lhes trazer mais nada além desta granola, há bastante inspiração nos anos anteriores: é só clicar na tag Natal aqui no blog.

Granola de gingerbread
receita minha

- xícara medidora de 240ml

2 ½ xícaras (225g) de aveia em flocos
¼ xícara (40g) de linhaça dourada
¼ xícara (35g) de sementes de abóbora cruas
½ xícara (60g) de amêndoas em lascas
1 pitada de sal
½ colher (chá) de pimenta da jamaica moída na hora
1 colher (chá) de canela em pó
1/8 colher (chá) de cravo em pó
¼ colher (chá) de noz-moscada ralada na hora
½ colher (chá) de gengibre em pó
3 colheres (sopa) de óleo de canola
1/3 xícara (80ml) de agave ou mel
½ colher (chá) de extrato de baunilha
½ xícara (75g) de cranberries secas, cortadas ao meio se forem muito grandes
½ xícara (90g) de damascos secos, picados – meça, depois pique

Preaqueça o forno a 180°C. Forre uma assadeira grande e rasa com papel alumínio.

Em uma tigela grande, misture bem a aveia, a linhaça, as sementes de abóbora, as amêndoas e o sal. Reserve.
Em uma tigelinha, misture bem com um batedor de arame as especiarias, o óleo, o agave/mel e a baunilha.
Despeje sobre os ingredientes secos e misture bem. Espalhe por toda a forma preparada formando uma camada homogênea e leve ao forno por 10 minutos. Retire, remexa toda a granola com uma espátula de silicone (cuidado para não rasgar o papel alumínio), espalhe novamente em uma camada homogênea e volte ao forno por mais 10 minutos – a granola sai do forno ainda molinha e vai ficando crocante conforme esfria.
Retire do forno e junte as frutas secas. Deixe esfriar completamente e guarde em um vidro hermético em temperatura ambiente por até 2 semanas.

Rend.: 6-8 porções

Tuesday, November 28, 2017

Snickerdoodles de limão e noz-moscada e presentes de Natal

English version

Lime nutmeg snickerdoodles / Snickerdoodles de limão e noz-moscada

Esta é a época do ano em que minhas amigas com filhos me dizem que tem que comprar presentinhos de Natal para as professoras das crianças, e como hoje em dia os pequenos tem vários professores desde muito cedo bate o desespero nas amigas (e sim, amigAs, pois até hoje nunca vi nenhum homem se preocupar com isso, é mais uma das muitas atribuições que sobram só para as mulheres). Eu geralmente sugiro que façam uns biscoitinhos ou brownies, embrulhem de maneira bem bonita e pronto, presentes prontos. :)

Estes snickerdoodles podem ser uma boa ideia de presentinho: comecei com a receita de snickerdoodle comum, troquei o combo bicarbonato de sódio e cremor tártaro por fermento em pó (nem todo mundo tem cremor tártaro em casa ou quer comprar o ingrediente), juntei um toque generoso de limão e substituí a tradicional canela por noz-moscada. Os biscoitinhos ficaram deliciosos e o cheiro deles enquanto assam é maravilhoso – pode ser que vocês tenham de dobrar a receita para presentear os vizinhos. :)

Snickerdoodles de limão e noz-moscada
receita minha

Massa:
1 ½ xícaras (210g) de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento em pó
1/8 colher (chá) de sal
¾ xícara (150g) de açúcar cristal
raspas da casca de 2 limões taiti
½ xícara (113g) de manteiga sem sal, temperatura ambiente
1 ovo grande, temperatura ambiente
½ colher (chá) de extrato de baunilha

Para envolver os biscoitos:
¼ xícara (50g) de açúcar cristal
raspas da casca de 1 limão taiti
¼ colher (chá) noz-moscada ralada na hora

Em uma tigela média, misture com um batedor de arame a farinha, o fermento e o sal. Reserve.

Na tigela da batedeira, junte o açúcar e as raspas de casca de limão e esfregue com as pontas dos dedos até o açúcar ficar aromatizado. Acrescente a manteiga e bata até obter um creme claro. Junte o ovo e a baunilha e bata para incorporar. Acrescente os ingredientes secos e misture em velocidade baixa somente até incorporar e uma massa se formar. Cubra e leve à geladeira por 30 minutos – enquanto isso, preaqueça o forno a 180°C e forre duas assadeiras grandes e rasas com papel manteiga.

Em uma tigelinha, junte o açúcar e as raspas de casca de limão restantes e esfregue com as pontas dos dedos até o açúcar ficar aromatizado. Junte a noz-moscada e misture bem. Faça bolinhas usando 2 colheres (chá) niveladas de massa por biscoito e passe-as pelo açúcar aromatizado. Coloque-as nas assadeiras preparadas deixando 5cm de distância entre elas. Asse por 10-12 minutos ou até que os biscoitos dourem levemente nas extremidades. Deixe esfriar nas assadeiras por 5 minutos e então deslize o papel com os biscoitos para uma gradinha e deixe esfriar completamente.

Rend.: cerca de 35 biscoitos

Related Posts with Thumbnails